sexta-feira, 27 de julho de 2007

Estereótipos e Preconceitos

Quem poderia me responder ?

Qual a relação existente entre estereótipo, preconceito e mito, com o comportamento dos jovens de classe média, que agrediram no dia 23/06/2007, numa manhã de sábado, num ponto de ônibus na Barra da Tijuca - RJ. , a empregada doméstica Sirlei Dias Carvalho, de 32 anos confundida com uma garota de programa ou prostituta?

29 comentários:

temosquesersolidarios disse...

o q acontece hoje em dia e tudo em pro da ambiçao.As autoridades importantes nao estao ligando para as pessoas,bom o ultimo acontecido do acidente do voo da tam foi muito lamentavel.mas quem tiver pensando que os orgaos responsaveis estao preocupados,estao muito enganados.estao preocupados apenas com as indenizaçoes q vao ter q pagar nada mais.

Monique Félix disse...

Os jovens inconsequentes que cometeram tal atrocidade cometeram um preconceito em relação às prostitutas, além de ter tido uma generalização quanto às mulheres que exercem esse tipo de profissão, eles não pensaram em momento algum que se trata de um ser humano que merece respeito!
Mas todo esse mito surgiu da sociedade imunda que vivemos, hoje em dia as prostitutas, os menores abandonados, são marginalizados pela "sociedade" capitalista, que com o passar dos anos se afunda mais em corrupção e miseria, temos que nos rebelar contra todo e qualquer tipo de injustiça cometidos nessa tal sociedade que vivemos!

Monique Félix, 3000

Anônimo disse...

Esse mundo que vivemos esta um caos total,em todos os sentidos principalmente na sociedade,como vimos todos os dias na televisão,jornais e etc.As pessoas não estão mais se dando conta do que elas estão fazendo,como o caso dos garotos que agrediram a dona de casa no ponto de onibus quando ela iria ao seu trabalho,e o argumento que eles tiveram,era de ter confundida com uma garota de progama,e idepemdente se ela fosse,ninguem tem o direito de sair agredindo as passoas na rua,isso e um total preconceito com as pessoas,e uma falta de respeito com os a sociedade.

TAMIRES FERNANDA,LEONARDO,REGINALDO,ARDILEI 3006,GETECO

paulo disse...

bom,acima de tudo um fato vulgar e discriminante de vandalos filhos de papai que so porue tem dinheiro podem fazer o que de e vier com qualquer pessoa que veem pela frente.um fato de ser comfudida com uma prostituta não é motivo considerado para tao fato,pois na minha opinião e dos meus amigos, "deus deu a vida a cada um para que cada cuide da sua"!!!

joao paulo,moacir,alex e joel
geteco turma: 3010

Anônimo disse...

De que importa ser uma empregada ou uma prostituta?Essa deveria ser a primeira indagação da justiça ao prender os jovens responsáveis por essa atrocidade.Nossa sociedade é capaz de crescer em todos os lados menos no exercício da cidadania que já deveria ser ensinado logo quando as crianças aprende a dar os primeiros passos,mas o que acontece é sempre o contrário,aparece mentes pequenas que no momento de infelicidade é capaz de dizer o que eu tenho haver com isso.E nessa mediocridade matam índio pensando ser mendigo,espacam empregada pensando ser prostituta,até onde iremos com essa mente pequena,e o pior de tudo que são jovens "bem educados,bem estudados"e por aí vai.O maior castigo para eles não seria a prisão,até porque há fiança,achamos que deviam frequentar no mínimo um mês de aulas de cidadania em comunidades carentes onde pode até existir grandes índices de violências,mas há grandes exemplos de cidania.
Maiara,Raíssa e Elizabete Turma:3000 Geteco

Anônimo disse...

É uma lástima presenciar tais acontecimentos, principalmente nos dias de hoje, onde tudo é liberado e nada mais é escondido. Há um anos atrás a prostituta era cruelmente julgada pela sociedade, e hoje em pleno século XXI podemos observar que as coisas não mudaram muito. É um absurdo que uma mulher seja espancada em um ponto de ônibus por ser confundida com uma prostituta, o que esses "monstros" fizeram não tem palavras e muito menos perdão, não podemos julgar e nem condenar ninguém por aparências, mesmo que ela fosse uma prostituta, não devemos julgar uma pessoa sem conhecer sua história, afinal de contas, acredito que uma pessoa só venderia o seu corpo em um ato de extrema necessidade. Temos que deixar nossas concepções de mitos, esteriótipos e nossos preconceitos de lado, porque hoje foi uma doméstica amanhã pode ser você. GISELE, MICHELLE, MISAEL (3000 SANTA LUZIA)

Aline, Camila e Luciana disse...

Mito: são coisas que escutamos desde crianças...mas são coisas que sabemos que não existem, são contos, lendas, como Saci-Pererê, essas coisas!

Estereótipo: são certas regras que a sociedade coloca...e rejeita, exclui quem não as cumpre! Assim como é o caso da garota de programa, que é descriminada porque a sociedade não aceita o tipo de trabalho e de vida que ela leva!

Preconceito: Isso já varia de pessoa pra pessoa!
Preconceito é a opinião de cada cidadão sob determinada atitude,...
Ainda falando da garota de programa: você pode às vezes não aceitar esse tipo de vida que ela leva, mas tem por obrigação respeitar!
Se você concorda ou não, é a sua opinião;
Se não concordar e também não respeitar isso, estará sendo preconceituoso!

Acho que deu pra perceber as diferenças né???


Componentes: Aline Nicácio; Camila Oliveira e Luciana Raquel
2º ano verde, da Escola Estadual "José Luis Gonzaga Ferreira."

Anônimo disse...

Acreditamos que para uma pessoa tomar uma atitude dessas ela deve está com algum problema, e que os pais nessas horas tem que dá todo apoio e "não passar a mao na cabeça", para que atos como esse pare de acontecer.
Temos também acabar com os precoiceitos e com as diferenças socias pois Deus criou a todos para viver em hamonia
Nayara Katherine, Luciane Duarte, Erica Tamires, Sintia Alves e Maria Luiza.
2° verde
EE "Jose Luiz Gonzaga ferreira"
Ravena,Sabará.

Paulo disse...

A atitude desses jovens é mais um exemplo de que nossa sociedade está repleta de mitos, preconceitos e estereótipos. É um absurdo pensar que um grupo de pessoas, utilizem estereótipos para julgar um ser humano e resolvem espancá-lo só por "achar" que são superiores. Porcausa do seus mitos e preconceitos eles não enxergam as pessoas como elas realmente são, não se preocupam se possuem sentimento ou sonhos, apenas se acham donos da verdade e se sentem no direito de fazer o que bem entendem.
O que eles, e muitos outros, precisam entender, é que nao se deve julgar ninguém a partir dos estereótipos difundidos na nossa sociedade e que todo ser humano merece respeito, independentemente do que é ou parece ser.

PAULO, LUCAS, HEISLER - 3000 - Santa Luzia

Anônimo disse...

Alguns jovens parecem acreditar que o dinheiro os faz serem melhores que os outros. O preconceito por prostitutas é terrível, muitos julgam as pessoas pelo seu modo de vestir, falar, andar. Isso vem da da nossa cultura que é uma cultura pobre de educação.
Marcella Alinne
Beatriz
Turma; 3014 Santa Luzia

Anônimo disse...

estes jovens foram inconsequentes no que fizeram, porque mesmo se aquela mulher fosse uma ptostituta eles não tinham direito nenhum de ter agredido ela.neste pais por mais que falem que e um pais de todos ainda existe muito preconceito ,esses jovens de classe media que agrediram essa mulher nao quiseram nem saber se ela realmente era uma prostituta, simplismente agrediram ela por prazer.

talita, iolanda, karla e haniel 3004

Anônimo disse...

Esse mundo de hoje, nao da mais esta um caos total,
O que aconteceu com essa senhora nao foi um caso esolado é nem caso de rascismo tem acontecido em todas camadas das sociedades.
A cenas só troca os autores acenas são as mesmas.
O pobre pratica a violencia no modo sobrevivencia é o rico pratica violencia porq ele tem, de tudo sua mente esta aberta para tudo oq a midia fornece(droga,alcool.)falta de respeito com as proprias familias a onde gera a violencia,exterior e o outro fator e o jogos eletroncos no qual esta cabeça do jovens no subi cosiente fica marcado pro futuro ele jogar tudo para fora do qual a sociedade sofre .
NO qual esses jovens nao viram que essa mulher que eles agrediram é um ser humano pois até aonde iremos com essas mentes pequenas o pior de tudo que são jovens bem educados, bem estudados, é assim queremos ver até aonde chegara..

Gislene disse...

O problema é que no Brasil o preconceito ainda pendura em pleno séc XXI, com o estigma feito em cima de determinados tipos e pessoas,como negros,religião,etnia,entre homossexuais,contra mulheres entre outros.
Os humanos inconsequentes cometem o preconceito e nem si quer se preocupa se são humanos ou não;e se merecem o devido respito.
Isso e mais um exemplo de sociedade onde todos deveriam ficar atentos para acabar com todo o tipo de preconceito do pais e do mundo.E com o fim do preconceito viveremos em um a sociedade com um maior desenvolvimento, tanto ele econômico,como cultural.
Pois o preconceito e uma idéia preconcebida,em geral sem nenhum fundamento.
Componentes:Ricardo Luís,Elisangela Aparecida,Gislene Alves,Wanderlucia Lopes
Geteco 3014

Anônimo disse...

É um absurdo, quando jovens tão promissores, e com estrutura financeira tão estável, fazem para se "divertir", eles tem a opção de ficar só por conta dos estudos, são burgueses que passam a maior parte do tempo em academias se achando os donos do mundo, e saem à noite pra bater em gente mais fraca, pois outros mais fortes que eles, ja bateram neles.

Hanns, Renatinho e Camilo disse...

Ta tudo errado no Brasil....
O povo faz oque acha que deve ser feito sem pensar nas consequencias, acho que é porque no Brasil as consequencias são muito poucas. Enquanto não tiver punição e justiça no Brasil iremos viver assim por muito tempo.
So pra terminar vou por aqui uma frase que esta no meu msn .
"Esta tudo tão errado no BRASIL, que o MAIOR ACIDENTE AÉREO da História do País, aconteceu no SOLO."

Hanns, Renatinho e Camilo diretamente da central Globo de produções.

jéssica, priscila marília e luiza (3004) disse...

Alguns jovens de classe média alta e alta acham que a posição social que ocupam os isenta de responsabilidades e respeito ao próximo...se acostumaram aviver em um país em que o dinheiromuitas vezes está acima de lei e por julgarem alguem inferior a eles o agride com a certeza de que não seram punidos.

Anônimo disse...

Estereótipos: São os modos como vemos as pessoas,ou melhor a imprenssão que fica para nós,por exemplo:quando vemos uma pessoa vestida de branco, logo pensamos que seja um(a) médico(a),ou quando vemos uma mulher com mini-saia blusa decotada,desse modo á vemos como uma mulher da vida,pois isso é vício de raciocínio sem mesmo sabermos já imaGINAMOS as coisas.

Preconceito:um bom exemplo que encaixa perfeitamente no ítem acima, é o fato ocorrido com a empregada doméstica, que foi agredida brutalmente no ponto de ônibus,por ter sido confudida por uma prostituta,ela foi agredida por marmanjos filhinhos de papai,no qual eles saíram impunês do fato!

componentes:Guilherme Ribeiro,Naiara Oliveira e Regina Domício
Turma:2°ano verde
E.E."José Luis Gonzaga Ferreira"
Ravena-Sabará

Geizislaine,Bruna,Jucilene,Hana 3004 disse...

Em nossa sociedade está havendo muitas divergências desencadeadas pelo fato das pessoas não saberem conviver com as diferenças das outras.Uma delas foi o "preconceito formado por esses jovens" a respeito da moral desta mulher.
Nos humanos sempre quando formos julgar alguém,devemos ao menos saber a respeito da pessoa,para depois dizer algo .Pois críticas podem gerar violência.
Respeitar essas diferenças e preferência,é uma grande sabedoria que todos precisamos compreender.
Saber conviver é sobreviver

Daniela e Aline 3000 disse...

Criticar o outro significa nao saber respeita-lo.Não julgue sem antes conhece-lo.Se o comportamento humano mudasse em relação a cada ser humano o respeito cresceria e destruiria a discriminação.Seu comportamento faz a diferença no mundo e em sua vida.Respeito é algo bonito de se ver e de se viver!!!!

carla disse...

"carla ...3004
nos dias de hoje vemos que a juventude está cada vez mais corrompida certamente que não são todos os jovens, mas aqueles que se deixam levar por supostos amigos imaturos e que gostam de se exibir de um modo que pode afetar a outro ou até mesmo prejudicar seu ego....o melhor a fazer é ser sensato e maturo o suficiente para saber agir sabiamente sem prejudicar os mais próximos....."

Isabela e Daiane 3000 geteco disse...

Nossa sociedade é rodeada por mitos, esteriótipos e preconceitos que fazem na cabeça das pessoas um auto julgamento de que toda criança abandonada nas ruas vai se tornar um marginal, de que uma mulher mais humilde é uma prostituta, enfim, varias são as classificações, mas o problema está exatamente nas pessoas que não sabem diferenciar essas três palavras (mito, esteriótipo e preconceito ) que têm um significado bem diferente uma das outras, o que podemos concluir é que o que predomina é o preconceito e a ignorância de pessoas que se julgam no direito de agredir alguém por causa do seu modo de vida. Ou seja a sociedade em que vivemos está envolta em preconceitos, esteriótipos e mitos, mas sem dúvida o que impulsionou o comportamento dos jovens que agrediram a empregada doméstica foi o preconceito, o que é pior, porque o preconceito está na cabeça de cada um e os esteriotipo e mitos ou são formados pela sociedade ou ja vêm de muitos anos atrás.

Isabela e Daiane 3000 Geteco

Fernanda disse...

Acho que as pessoas deveriam pensar em como o preconceito está piorando o mundo. As pessoas não se respeitam mais, vivem julgando pelas aparencias, como foi o caso desses jovens, que por acharem que Sirlei era uma prostituta, a agrediram violentamente. As pessoas deveriam buscar mais a verdade, em vez de agirem por acharem que isso se parece com aquilo que não é bom no conceito delas. Emquanto as pessoas não mudarem de atitude coisas assim vão continuar acontecendo.

Fernanda, Marina, Antônio. 3014.

Anônimo disse...

Com tantos acontecimentos em revista,jornais,noticiarios,nao podemos acreditar que estudantes de advocacia espancaram uma empregada ,pensando que ela fosse garota de programa.
Mesmo que ela fosse,ninguem tem direito de bater em outra pessoa.Como podemos confiar em futuros advogados com essa atitude.

Anônimo disse...

Com tantos acontecimentos em revista,jornais,noticiarios,nao podemos acreditar que estudantes de advocacia espancaram uma empregada ,pensando que ela fosse garota de programa.
Mesmo que ela fosse,ninguem tem direito de bater em outra pessoa.Como podemos confiar em futuros advogados com essa atitude. Bruna,Tiago Marcio,Amanda,Meire,Grazielle(Turma 3014)Geteco

1 de Setembro de 2007 08:58

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel

Anônimo disse...

When installing Joomla on my computer in order to update a preexisting site, will i
need my client to provide me the Host Name, MySQL User Name,
MySQL Password, MySQL Database NAme and MySQL Table Prefix?
I curently have their FTP information, and also the
Joomla admin control panel login information..

Feel free to surf to my webpage ... vaginal mesh lawyers

Anônimo disse...

I just could not leave your website before suggesting that I really loved the
usual info an individual provide for your guests? Is
going to be again ceaselessly in order to investigate cross-check new posts

Also visit my blog: dental implants costs

Anônimo disse...

It's very easy to find out any matter on web as compared to textbooks, as I found this post at this web site.

Here is my web page ... blogspot.com

João Vitor Santana disse...

Hoje em dia tudo gira em torno de dinheiro, as pessoas não estão mais se importando umas com as outras mas sim com a condição financeira que ela possui. Até as autoridades se voltam em saber a posição financeira de uma pessoa, pois na visão deles se a pessoa é pobre ela tem mais chances de ser a autora de um delito do que uma pessoa rica.